Mentira é melhor?

O deputado federal Alessandro Molon trocou a Rede pelo PSB. E daí? Deputados trocarem de partido não é novidade e isso não tem importância nenhuma na vida dos eleitores. Mas, o jornal O Globo entrevistou o deputado no núcleo de uma matéria sobre a candidatura da Marina Silva. Alessandro Molon alegou ter saído pela importância nenhuma que a Rede e a Marina Silva dão à desigualdade como tema.

Será verdade? Para ser, o PSB, destino do Molon, deveria dar toda importância à desigualdade. Correto? Mas, a gente sabe que não é bem assim. Então, por que Alessandro Molon deixou a Rede pelo PSB? Certamente, por ter o desejo de ser reeleito e não encontrar na Rede dois instrumentos fundamentais da campanha: Um inchado fundo partidário e de eleições e pouco tempo na TV.

A minha questão aqui é: Por que Alessandro Molon prefere a versão ao fato? Por que ele acredita que o eleitor aceitaria a desculpa frouxa no lugar da verdade? Vício. O político está sempre desconfiado que a verdade terá custo, quando a mentira não.

Por isso, eleitores e candidatos estão cada vez mias longe uns dos outros.

Por Jackson Vasconcelos

Deixe um comentário