Política

Wallim, oposição ou situação arrependida?

O Henrique Bellucio foi uma das presenças de relevo no evento de lançamento do livro “O Jogo dos Cartolas: Futebol e gestão”. Ele falou sobre a analogia entre a gestão do futebol e da política: “a lógica do futebol é muito parecida com a lógica política – vale a coisa imediata. Se no futebol é

“Virando o Jogo”- 360 graus!

“A rigor, não haverá seleção brasileira competitiva sem clubes de futebol fortes”, eis a única verdade presente no artigo “Virando o Jogo”, do deputado Otávio Leite, publicado no jornal O Globo, na segunda-feira, 20/07. Do título ao fim, o texto é utopia propositada.  O deputado comemora o fato de ter conseguido dar aos clubes de

MP 171… Opa, 671!

Não é por acaso nem por injustiça, que tenho defendido uma nova numeração para a MP do Futebol, a 671, que ficaria melhor vestida no número 171. Ela, simplesmente transfere a obrigação de pagar impostos dos clubes de futebol para os contribuintes, que recolhem regularmente. A carga fiscal tem esse título pelo peso que os

Traição ou conveniência?

A Senadora Marta Suplicy está nas Páginas Amarelas da VEJA, entrevistada pelo Pedro Dias Leite. O editor deu à matéria o título, “O PT traiu os brasileiros”, que interessa mais a revista, pela opinião que tem do governo e do PT. Mais fiel ao conteúdo seria o título: “O PT contrariou a Marta”. Nós, brasileiros,

Fundo Partidário, a cachoeira

O Fundo Partidário acaba de receber uma injeção de dinheiro novo. Isso, certamente, aborreceu muita gente e é notícia de destaque em toda a imprensa. Poucos dias antes, foi preso mais um tesoureiro do PT. Isso agradou muita gente e também virou notícia importante. Tesoureiros presos e fundo partidário abarrotado têm algo em comum? Dizem

PROFUT E APFUT?

Pela qualidade do conteúdo da Medida Provisória 671, certamente, o seu número nasceu de um “ato falho” da consciência dos burocratas, onde o “6” tem tudo para ser o início da série que numera a “Besta do Apocalipse” e o “71”, o apelido do artigo mais conhecido do Código Penal Brasileiro. A MP atende ao

É o Demônio ou é o Democratas?

Falemos um pouco de política e de história, para esquecer, por algum tempo que seja, os esportes, o futebol. Era quinta-feira, 26 de março. Entrei no elevador do prédio onde tenho a minha empresa e encontrei o Senador Agripino Maia, Presidente Nacional do Democratas. Ele, muito educado, trocou dois dedos de prosa comigo, suficientes para

Estou de saco cheio de pagar a conta

Há dois temas a circundar o mundo do futebol e a política: as dívidas dos clubes, com o modelo de sócios-torcedores e sistema de financiamento das campanhas eleitorais. Na questão dos clubes, eles não perdem o vício de deixar de pagar os impostos, obrigação que lhes cabe na divisão do peso dos tributos com o

Análise: Entrevista de Vaccarezza para a CBN

“Áudio da PF tem requintes de perversidade”, da CBN. No mar de exemplos que há por aí das consequências da ausência na vida de um político, de profissionais que saibam como lidar com crises de imagens e orientar a relação com a imprensa. Cândido Vaccarezza veio bem na sua carreira política até a eleição passada.

Pedro Trengrouse, otimismo ou ilusão de ótica?

No dia 19 de fevereiro, na sessão Opinião do site da Folha de São Paulo, o professor Pedro Trengrouse assinou um artigo intitulado “Otimismo no futebol brasileiro”. Em tela, a qualidade dos dirigentes das entidades de administração do futebol, que o autor entende tenham capacidade para promover as mudanças estruturais necessárias e “enfrentar os desafios