Futebol

Vasco campeão de 2015, desde 2014

O Campeonato Carioca foi decidido nos primeiros dias de dezembro do ano passado, quando o senhor Eurico Miranda venceu a eleição para a presidência do Vasco da Gama. No último domingo, 3/05, a Federação de Futebol, tão somente, homologou o título. Foi mais uma etapa do jogo de faz-de-conta, em que se transformou o campeonato

As “veias abertas” da CAIXA

Merece crítica o patrocínio da Caixa Econômica Federal para os clubes de futebol? O ex-presidente do Atlético Mineiro, Alexandre Kalil diz que sim, porque a CEF é estatal e o seu dinheiro “ou é pra todo mundo ou pra ninguém”. Eu, por razões, diferentes, também critico o patrocínio. A ESPN transmitiu nesta terça-feira, 28, no

A MP 671 é pra cartolas machos e laranjas

Volto à Medida Provisória 671, e a bicha é tão ruim, que certamente, retornarei a ela outras vezes. É de dar arrepio pelos efeitos e pela qualidade da redação.  Demonstro com o Capítulo III: Gestão Temerária nas Entidades Desportivas Profissionais de Futebol. Que loucura! Na abertura está dito: “os dirigentes das entidades desportivas profissionais de

Se ficar a Ferj come!

Se, para o Flamengo e Fluminense, o Campeonato Estadual terminou na semifinal, no próximo ano, o maior adversário deles, o senhor Rubens Lopes, presidente da Federação de Futebol, estará totalmente à vontade para impor-lhes novas derrotas. Para impedir a repetição, os presidentes do Flamengo e do Fluminense precisam manter o adversário sob uma forte pressão

CBF: Um rico perdulário

No Brasil, como finanças e futebol são atividades quase incompatíveis, e o resultado da incompatibilidade tem caído nas costas do contribuinte (via parcelamento privilegiado de impostos, com dispensa de multas, juros e prazos a perder de vista), o bom juízo aconselha examinar como anda a CBF, neste campo, que tem novo presidente, o senhor Marco

Nelson Mandela para Presidente da Ferj

Para exercer com espírito democrático a presidência da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), o escolhido precisaria ter veia e formação democráticas comparáveis às do ilustre Nelson Mandela.  Já os presidentes dos clubes e as torcidas, para se livrarem de um eventual ditador que esteja à frente da Organização, necessitam ter

Vende-se conteúdo amador!

Quem se propõe a oferecer assessoria na área de comunicação e imprensa para o futebol, não pode deixar fugir a realidade: assim como nas mais variadas editorias, a cobertura jornalística esportiva passa por um momento de transformação, com queda na qualidade. A internet dá velocidade à informação, mas vulgariza a notícia. Os veículos impressos, para

Sócio torcedor ou dizimista?

Quando a Receita Federal apertou os clubes de futebol, para receber os impostos que lhe deviam, os cartolas saíram alucinados à caça de dinheiro. Bateram aqui, bateram ali e encontraram na prateleira o programa sócio torcedor. A AMBEV vinha no rastro e percebeu a chance de fincar o pé mais fundo no ambiente. Ofereceu aos

PROFUT E APFUT?

Pela qualidade do conteúdo da Medida Provisória 671, certamente, o seu número nasceu de um “ato falho” da consciência dos burocratas, onde o “6” tem tudo para ser o início da série que numera a “Besta do Apocalipse” e o “71”, o apelido do artigo mais conhecido do Código Penal Brasileiro. A MP atende ao

Negociar sem informação é rasgar dinheiro

Os clubes andam por aí desesperados atrás de dinheiro. Querem leis que favoreçam o pagamento das dívidas, querem enfrentar a TV Globo na distribuição das cotas de transmissão, mas ainda não conseguem compreender a importância de um departamento de marketing equipado com as informações e ferramentas essenciais para a tomada de decisões e melhor retorno